Blindspot (NBC) | Pilotando S01E12

Nessa edição falamos sobre o piloto da série Blindspot (NBC).

Blindspot conta a história de um agente do FBI que, misteriosamente, se vê em meio a uma conspiração. A história começa quando Jane Doe (Jaimie Alexander), completamente sem memória, é encontrada nua no meio da Times Square, em Nova York, com o corpo coberto de tatuagens recentes. E uma dessas tatuagens é o nome do agente do FBI Kurt Weller (Sullivan Stapleton). Agora, ele terá que desvendar os mistérios: Quem é esta mulher e o que significam suas tatuagens?

Download e feed: DOWNLOAD MP3 // FEED RSS // iTUNES

Apresentação: Gabriel Franklin e Raphael PH Santos


Assine o podcast

Contatos

  • Leon Nunes

    Caramba.
    Sério. Vida Longa e Próspera! Pilotando(!) nos é importante.
    Avante.

    E que venham novos programas

  • Leon Nunes

    Caramba.
    Sério. Vida Longa e Próspera! Pilotando(!) nos é importante.
    Avante.

    E que venham novos programas

  • Copilotando de Carnivale hbo

  • Copilotando de Carnivale hbo

  • Bruno Garcia

    Anos Incríveis no Copilotando

  • Bruno Garcia

    Anos Incríveis no Copilotando

  • Bruna Cardoso

    Gostei muito vi até o terceiro episodio, e não acho que vai ficar só no caso da semana, tive a sensação q vão descobrir qual é o mistério logo e vai girar mais em torno disso por algumas coisas que vi, meio como foi no Orphan Black. Mas pode ser só uma viagem hard aqui shaushu
    E continuem haha é bom ouvir sobre coisas novas mesmo das que acharam “ruins” algumas n foram pra mim ou até foram mas acabei gostando da história valeu mesmo 😀
    Queria muito ouvir um Copilotando de Demolidor, Game of Thrones, Lost ou House of Cards.

  • Bruna Cardoso

    Gostei muito vi até o terceiro episodio, e não acho que vai ficar só no caso da semana, tive a sensação q vão descobrir qual é o mistério logo e vai girar mais em torno disso por algumas coisas que vi, meio como foi no Orphan Black. Mas pode ser só uma viagem hard aqui shaushu
    E continuem haha é bom ouvir sobre coisas novas mesmo das que acharam “ruins” algumas n foram pra mim ou até foram mas acabei gostando da história valeu mesmo 😀
    Queria muito ouvir um Copilotando de Demolidor, Game of Thrones, Lost ou House of Cards.

  • Matheus Luna

    Se a proposta for sair do lugar comum, provavelmente até pra vocês.
    Copilotando de Utopia channel 4

  • Matheus Luna

    Se a proposta for sair do lugar comum, provavelmente até pra vocês.
    Copilotando de Utopia channel 4

  • Arthur Zopellaro

    Eu acho que não ia ver, mas agora acho que vou ver.
    Me desapontou por ser caso da semana, queria uma pegada mais no estilo Prison Break (apenas focando em descobrir quem é a mulher tatuada).

    Mas sei lá, né. Ainda não vi o episódio haha 🙂
    Verei!

    Sobre o CoPilotando: que ideia!!!! Quero!
    Um piloto que eu gostaria MUITO que vocês comentassem era o de Pushing Daisies.
    Ele tem um piloto muito fiel, que apresenta todo o universo e clima que a serie propõe.
    Porém Pushing Daisies é pouco conhecida, então não se enquadra na séries “clássicas”.
    Mas fica a sugestão, vai que né haha

  • Arthur Zopellaro

    Eu acho que não ia ver, mas agora acho que vou ver.
    Me desapontou por ser caso da semana, queria uma pegada mais no estilo Prison Break (apenas focando em descobrir quem é a mulher tatuada).

    Mas sei lá, né. Ainda não vi o episódio haha 🙂
    Verei!

    Sobre o CoPilotando: que ideia!!!! Quero!
    Um piloto que eu gostaria MUITO que vocês comentassem era o de Pushing Daisies.
    Ele tem um piloto muito fiel, que apresenta todo o universo e clima que a serie propõe.
    Porém Pushing Daisies é pouco conhecida, então não se enquadra na séries “clássicas”.
    Mas fica a sugestão, vai que né haha

  • Fernando de Laurentiis

    O plot é interessante, mas difícil de pôr em prática, daria tudo pra dar certo.
    Algumas coisas me chamam a atenção dessa série, a mais gritante é q os tiros são fakes, o fogo dos canos são feitos por computador, os caras não se dispuseram nem de usar a merda de uns festins, é ridííííículo a arma só sai aquela explosão do tiro, mas as armas não dão recuo e nem ejetam as capsulas dos projéteis, é praticamente tiros ad eternum… me lembrou qdo eu era criança e brincava de polícia e ladrão, qdo a gente dava tiros com os dedos das mãos, basicamente é isso na série, eles inclusive podiam tbm economizar nos efeitos sonoros e os atores fazerem o barulho dos tiros com a boca.
    Outra coisa, sempre q descobrem/resolvem uma tatuagem, é aquela q vai impedir de acontecer algo, naquele episódio, coincidentemente e sempre eles conseguem impedir, sempre! Ok… são os mocinhos.. mas num força.
    Nunca ficam sem entender/resolver uma tatuagem e a merda acontece de qqr jeito, ou nunca resolvem uma tatuagem errada, é como se o “vilão” estivesse assistindo a série tbm, ele vê q descobriram uma tatoo nova e agora ele tem q correr pra fazer acontecer o “crime” daquela tatoo.
    Tirando isso, a protagonista é mó gata! =)
    E o protagonista, o detetive Weller, atua com a eloquência de uma porta!
    E q acabe logo essa porcaria!

  • Fernando de Laurentiis

    O plot é interessante, mas difícil de pôr em prática, daria tudo pra dar certo.
    Algumas coisas me chamam a atenção dessa série, a mais gritante é q os tiros são fakes, o fogo dos canos são feitos por computador, os caras não se dispuseram nem de usar a merda de uns festins, é ridííííículo a arma só sai aquela explosão do tiro, mas as armas não dão recuo e nem ejetam as capsulas dos projéteis, é praticamente tiros ad eternum… me lembrou qdo eu era criança e brincava de polícia e ladrão, qdo a gente dava tiros com os dedos das mãos, basicamente é isso na série, eles inclusive podiam tbm economizar nos efeitos sonoros e os atores fazerem o barulho dos tiros com a boca.
    Outra coisa, sempre q descobrem/resolvem uma tatuagem, é aquela q vai impedir de acontecer algo, naquele episódio, coincidentemente e sempre eles conseguem impedir, sempre! Ok… são os mocinhos.. mas num força.
    Nunca ficam sem entender/resolver uma tatuagem e a merda acontece de qqr jeito, ou nunca resolvem uma tatuagem errada, é como se o “vilão” estivesse assistindo a série tbm, ele vê q descobriram uma tatoo nova e agora ele tem q correr pra fazer acontecer o “crime” daquela tatoo.
    Tirando isso, a protagonista é mó gata! =)
    E o protagonista, o detetive Weller, atua com a eloquência de uma porta!
    E q acabe logo essa porcaria!

  • Eunice Oliveira

    Ei, chamem os guris do Papricast para o Copilando, pois eles tem o Faixa Comentada, mesmo formato com filmes trash, filmes B… #saudadespilotando

  • Eunice Oliveira

    Ei, chamem os guris do Papricast para o Copilando, pois eles tem o Faixa Comentada, mesmo formato com filmes trash, filmes B… #saudadespilotando