Sete Reinos 10 | Game of Thrones - Temporada 5 Episódios 5 e 6

Povo Westerosi! Hoje o Sete Reinos debate sobre os episódios 5 e 6, os únicos desta quinta temporada escritos pelo famigerado roteirista Bryan Cogman. Entenda a partir da nossa visão como funciona o Jogo das Faces, observe o Lorde Comandante Jon Snow matando o garoto que vive dentro dele, descubra qual para nós é o núcleo Trapalhões da série e saiba nossa opinião sobre a controversa cena do casamento no Norte.

Spoilers até o 6º episódio da 5ª Temporada da série.

Download e feed: DOWNLOAD MP3 // FEED RSS // iTUNES

Participaram desse podcast: Raphael PH Santos, Kaio Anderson, Gabriel Franklin e Adams Pinto


Episódios Comentados

  • S05E05: "Kill the Boy"
  • S05E06: "Unbowed, Unbent, Unbroken"

Links

#PartiuOuvirIradex

Sobre

O Sete Reinos é um podcast quinzenal sobre o universo criado por George RR Martin para o livro As Crônicas de Gelo e Fogo. Aqui, abordaremos Game of Thrones (Guerra dos Tronos) como uma franquia, passando por literatura, TV, games, jogos de tabuleiro e demais escritos do velho Martin. Quando a série da HBO estiver em cartaz, faremos uma edição do podcast a cada dois episódios inéditos da série.

Assine o Sete Reinos

Contatos

  • Concílio Silva

    Antes de começar a comentar sobre o podcast eu queria tirar uma dúvida, a forma que eu mais ajudo o vocês é baixando ele aqui no site ou ouvindo por um desses aplicativos de podcast eu também ajudo vocês de alguma forma, no sentido de aumentar os números do podcast para que vocês recebam algo em troca e se sintam ainda mais motivados para continuar com esse ótimo trabalho, fora o feedback dos ouvintes. E desculpem pelo tamanho do post, quis começar comentando as coisas e me empolguei escrevendo demais.

    Agora em relação aos episódios, eu nunca gostei muito da Daenerys e sempre achei meio chatinha, mas acho meio que covardia o que tão fazendo no núcleo dela, ela tá ficando praticamente sem ninguém que possa confiar e ainda por cima, como o PH falou e eu concordo, o Verme Cinzento tá sendo tudo menos Verme Cinzento, e ainda por cima acho que quando o Tyrion chegar lá, caso chegue, irá ofuscar a atuação da Emilia Clarke.

    Já em relação a Dorne acho que tá faltando a atuação de uma Arianne Martel porque estou achando até agora as Serpentes bem fraquinhas com um plano meio louco.

    Sobre a Muralha, pra mim é realmente o núcleo que está se sobressaindo em relação aos outros, com bons diálogos e atuações, tanto do meu verdadeiro Rei de Westeros, quanto do antes muito criticado Kit Harington que eu considero estar atuando de maneira bem agradável e que tem tudo para ser o destaque da temporada.

    Em Porto Real, acho o Teleporter Mindinho tá planejando bem, exceto pelo que eu considero um erro deixar a Sansa a sós com o psicopata Ramsey sem imaginar que não aconteceria nenhuma bosta eu achei que a Olenna, tão conhecida por ser bem “sábia”, caiu no queixo da Cersei facilmente e que o Tommem realmente não faz nada por lado nenhum e nunca nem age, não argumenta, não ataca, nada, nada e nada mesmo, se era pra ficar lá parado, que não estivesse no julgamento.

    No Norte, achei boa a conversa no jantar, que mostrou bem como se porta e se comportará cada membro nesse setor daqui para frente e já prevendo as suposições do que deve acontecer caso siga o que há no livro em relação a “batalhas”, suponho que personagens que não tiveram tanta importância e não estão lá podem ser de suma importância, se é que vocês me entendem. E desculpem discordar, eu acho que erram em fazer todo esse trabalho com evolução da Sansa para acabar assim, mas eu não me espanto desse acontecimento pelo Ramsay ser o psicopata que ele é e acontecer como aconteceu, sabendo que ele poderia facilmente fazer pior e que desde que o Mindinho deixou ela a sós com os Bolton isso era o mínimo a se esperar

    E para finalizar, eu acho bom eles mudarem os plots dos personagens, com fatos diferentes dos livros que podem me surpreender, alguns eu acho que são interessante, mas mal trabalhados, e outros são uns que só de ver já sinto cheiro de merda vindo, assim como também sinto falta do núcleo Greyjoy que pra mim seria bem mais atraente do que esse plot do Jaime em Dorne ou desse namoro entre o Verme Não-Cinzento e a Missandei.

    • Você baixando por aqui ou por qualquer outro aplicativo que lê nosso feed, nos ajuda da mesma forma. Tudo saí diretamente do nosso servidor e conseguimos contabilizar. 🙂
      Bem fácil mesmo o Tyrion lá em Mereen acabar dando uma apagada na Daenerys, viu. Arianne tá fazendo MUITA falta, juro que não entendo pq a cortaram. Sobre a Sansa, era óbvio que isso ia acabar acontecendo, ela estando lá essa é a coisa que mais podíamos esperar.

  • Concílio Silva

    Antes de começar a comentar sobre o podcast eu queria tirar uma dúvida, a forma que eu mais ajudo o vocês é baixando ele aqui no site ou ouvindo por um desses aplicativos de podcast eu também ajudo vocês de alguma forma, no sentido de aumentar os números do podcast para que vocês recebam algo em troca e se sintam ainda mais motivados para continuar com esse ótimo trabalho, fora o feedback dos ouvintes. E desculpem pelo tamanho do post, quis começar comentando as coisas e me empolguei escrevendo demais.

    Agora em relação aos episódios, eu nunca gostei muito da Daenerys e sempre achei meio chatinha, mas acho meio que covardia o que tão fazendo no núcleo dela, ela tá ficando praticamente sem ninguém que possa confiar e ainda por cima, como o PH falou e eu concordo, o Verme Cinzento tá sendo tudo menos Verme Cinzento, e ainda por cima acho que quando o Tyrion chegar lá, caso chegue, irá ofuscar a atuação da Emilia Clarke.

    Já em relação a Dorne acho que tá faltando a atuação de uma Arianne Martel porque estou achando até agora as Serpentes bem fraquinhas com um plano meio louco.

    Sobre a Muralha, pra mim é realmente o núcleo que está se sobressaindo em relação aos outros, com bons diálogos e atuações, tanto do meu verdadeiro Rei de Westeros, quanto do antes muito criticado Kit Harington que eu considero estar atuando de maneira bem agradável e que tem tudo para ser o destaque da temporada.

    Em Porto Real, acho o Teleporter Mindinho tá planejando bem, exceto pelo que eu considero um erro deixar a Sansa a sós com o psicopata Ramsey sem imaginar que não aconteceria nenhuma bosta eu achei que a Olenna, tão conhecida por ser bem “sábia”, caiu no queixo da Cersei facilmente e que o Tommem realmente não faz nada por lado nenhum e nunca nem age, não argumenta, não ataca, nada, nada e nada mesmo, se era pra ficar lá parado, que não estivesse no julgamento.

    No Norte, achei boa a conversa no jantar, que mostrou bem como se porta e se comportará cada membro nesse setor daqui para frente e já prevendo as suposições do que deve acontecer caso siga o que há no livro em relação a “batalhas”, suponho que personagens que não tiveram tanta importância e não estão lá podem ser de suma importância, se é que vocês me entendem. E desculpem discordar, eu acho que erram em fazer todo esse trabalho com evolução da Sansa para acabar assim, mas eu não me espanto desse acontecimento pelo Ramsay ser o psicopata que ele é e acontecer como aconteceu, sabendo que ele poderia facilmente fazer pior e que desde que o Mindinho deixou ela a sós com os Bolton isso era o mínimo a se esperar

    E para finalizar, eu acho bom eles mudarem os plots dos personagens, com fatos diferentes dos livros que podem me surpreender, alguns eu acho que são interessante, mas mal trabalhados, e outros são uns que só de ver já sinto cheiro de merda vindo, assim como também sinto falta do núcleo Greyjoy que pra mim seria bem mais atraente do que esse plot do Jaime em Dorne ou desse namoro entre o Verme Não-Cinzento e a Missandei.

    • Você baixando por aqui ou por qualquer outro aplicativo que lê nosso feed, nos ajuda da mesma forma. Tudo saí diretamente do nosso servidor e conseguimos contabilizar. 🙂
      Bem fácil mesmo o Tyrion lá em Mereen acabar dando uma apagada na Daenerys, viu. Arianne tá fazendo MUITA falta, juro que não entendo pq a cortaram. Sobre a Sansa, era óbvio que isso ia acabar acontecendo, ela estando lá essa é a coisa que mais podíamos esperar.

  • Luiz Claudio

    Acabei de ouvir o cast e tenho uma opinião sobre como é feita a troca de rostos, acredito que sim aquela sala é um banco de rostos, mas ele não os leva consigo , e sim tem uma conexão com a sala que o permite acessar o rosto que quiser, pois pelo que nós vemos a transformação parece algo mágico.
    Sobre o julgamento da rainha, acho que a batata da Sersei tá assando, pois o Lancel está do lado dos pardais e não duvido nada que ele já tenha confessado os seus pecados.

    • Gabriel Franklin

      Adorei a teoria dos rostos! Tinha pensado em algo parecido.
      Tipo, o cara só precisa ver o rosto na sala uma vez pra se transformar nele. Ele meio que memoriza aquele rosto e pode então usar sem precisar estar na sala.
      O que acha?

      • Luiz Claudio

        É uma boa teoria, que só completaria a minha na verdade, pois para ele se transformar através da conexão com a sala precisaria memorizar os rostos, mas se a transformação fosse um poder desenvolvido por eles, como uma metamorfose, não seria necessária uma sala cheia de rostos bastaria olhar pra qualquer pessoa e memorizar a face dela. Por isso ainda acho que a mágica está na sala, e o treinamento serviria para criar e aprimorar essa conexão com ela, tipo quando você se torna um ninguém pode ser qualquer um.

    • Guilherme Brito

      Sabe dizer se aquele rosto que Arya viu na sala era de alguém conhecido? Fiquei com a impressão de que era de uma das antigas servas de Winterfell…

  • Luiz Claudio

    Acabei de ouvir o cast e tenho uma opinião sobre como é feita a troca de rostos, acredito que sim aquela sala é um banco de rostos, mas ele não os leva consigo , e sim tem uma conexão com a sala que o permite acessar o rosto que quiser, pois pelo que nós vemos a transformação parece algo mágico.
    Sobre o julgamento da rainha, acho que a batata da Sersei tá assando, pois o Lancel está do lado dos pardais e não duvido nada que ele já tenha confessado os seus pecados.

    • Gabriel Franklin

      Adorei a teoria dos rostos! Tinha pensado em algo parecido.
      Tipo, o cara só precisa ver o rosto na sala uma vez pra se transformar nele. Ele meio que memoriza aquele rosto e pode então usar sem precisar estar na sala.
      O que acha?

    • Guilherme Brito

      Sabe dizer se aquele rosto que Arya viu na sala era de alguém conhecido? Fiquei com a impressão de que era de uma das antigas servas de Winterfell…

  • losk

    Olá pessoal. Gostaria primeiro de elogiar o cast, foi muito bom mesmo, gostei muito da equipe que participou. Vcs todos estão de parabéns, foi uma delicia ouvir e espero os próximos semanais 🙂

    Agora sobre a polêmica, eu tenho uma opinião diferente da apresentada no cast pelos participantes e acho que ela possa ser interessante.
    Por enquanto eu sou a favor da cena, eu acho que é muito cedo para dizer que ela n vai servir para nada, que ela não vai ter nenhum propósito…eu acredito q ela vá ter sim. Acho que a Sansa pode se tornar uma personagem muito forte depois desse fato horrível que aconteceu com ela.
    Acho que foi o Kaio que disse que a cena descaracterizou a personagem, eu discordo pq como vcs falaram n partiu de uma escolha dela. Ela foi uma vitima.

    Gostaria de levantar alguns pontos tbm, vcs acreditam que se não existissem os livros ou se nos livros houvesse essa cena…ela geraria toda essa polêmica que gerou na série?

    Agora viajando um pouco mais longe para outras mídias, Resident evil 5 foi acusado de racismo pq os zumbis eram negros, Assassins Creed unity foi acusado de machismo pq não tinha protagonista mulher jogável, se vcs olharem o trailer de algum filme que lembre american pie no youtube os comentários vão estar repletos de gente reclamando como o filme é sexista. E agora got é acusado de tratar mulher como objetos.
    Eu não sei até onde essa busca incessante por direitos civis de personagens fictícios, que todo mundo faz agora é algo bom.
    Acho que as pessoas hj em dia estão se vestindo de advogados na hora de consumir um produto que está ali para divertir eles e não para refletir um mundo perfeito.

    Espero que tenha sido um comentário coeso e que vcs estejam mais abertos a uma discussão do que outros portais. Postei algo parecido na Got br e hj não posso postar mais nada lá.
    hahaha

    Ótimo trabalho. Vida longa.
    🙂

    • Igor

      Não entendi o argumento do PH, sem querer polemizar, adoro ele. Mas do jeito que ele fala sobre a cena do estupro que no livro tem algo similar só que não é com ela e mesmo sendo mais pesado é justificavel? Eu duvido que a opinião dele seja essa, mas foi o que ficou parecendo. Eu acho que em uma série medieval, mesmo que desnecessário você pode ter esse tipo de cena. Longe de estar apoiando qualquer tipo de atitude abusiva contra a mulher, tenho repudio á machismo mas se em vários filmes o que motiva a história é algo como estupro e um sentimento de vingança, não pode ter isso na série? Eu nunca li livro nenhum (só a metade do primeiro então nem conta), sou um “imaculado” como citaram no cast haha mas acho que se o acontecido pode ter algum motivo maior no futuro eu acho que a cena pode estar lá sem precisão da polemica toda que foi gerada de fã querendo parar de assistir e blablabla. O seriado inteiro tem um conteúdo extremamente pesado, me sinto meio mal até quando vejo que as pessoas se indignam tanto com algo assim em uma ficção. Espero não ter deixado parecer uma opinião errada de mim mas enfim.

      • A série não se passa no mundo medieval europeu clássico, as pessoas se enganam muito a achar que é isso. Determinados valores dessas sociedades estão lá, mas em contraponto há outras muitas coisas que passam longe desse período.
        E no meu entendimento, a cena foi sim para gerar polêmica. Aliás, isso extrapola o lance de “meu entendimento”, já que os produtores desde o começo dessa temporada falam de uma cena que iria chocar muita gente e seria muito controversa.

    • tudo o que escreveu pode e deve ser debatido sem nenhum tipo de preconceito.

      da minha parte, meu desapontamento é pela presença da sansa em winterHELL e acho que isso responde tua pergunta sobre a não existência do livro ou existência da cena.

      o que aconteceu com JP = fArya é mt mais horrível do que se passou com sansa (e por isso, tenho mais um motivo pra não perdoar mindinho); no entanto, GRRM resolveu “sacrificar” JP e poupar as irmãs stark.

      além disso, esta polêmica tb está servindo pra desmarcarar o blog brasileiro que aborda GofT.

      se um comentador não partilha dos mesmíssimos valores que os dos responsáveis pelo blog em algum momento algum comentário não será publicado.

      comigo isso já aconteceu, simplesmente por acreditar numa teoria.

    • Losk, eu acredito que se houvesse a cena nos livros de fato, não haveria toda essa polêmica. Mas conhecer o que acontece é o que torna difícil para os fãs dos livros mais cri-cris como eu, aceitar as mudanças de motivação dos personagens.
      Pra mim, o problema não é apenas o que aconteceu com a Sansa, esse foi apenas mais um erro desse tipo que a acontece na série. De toda forma, entendo demais os seus argumentos, e não acredito que você esteja errado e eu certo, ou vice-e-versa, é tudo uma questão de opinião.
      Sobre as outras obras, eu acho válido o julgamento. Obras de entretenimento sempre estão e estarão sujeitas a julgamento social, pra mim é difícil desvencilhar completamente a visão de mundo individual de cada um do que ele consome. O debate em torno do que consumimos, na minha opinião, é essencial para uma maior compreensão da nossa sociedade.

  • losk

    Olá pessoal. Gostaria primeiro de elogiar o cast, foi muito bom mesmo, gostei muito da equipe que participou. Vcs todos estão de parabéns, foi uma delicia ouvir e espero os próximos semanais 🙂

    Agora sobre a polêmica, eu tenho uma opinião diferente da apresentada no cast pelos participantes e acho que ela possa ser interessante.
    Por enquanto eu sou a favor da cena, eu acho que é muito cedo para dizer que ela n vai servir para nada, que ela não vai ter nenhum propósito…eu acredito q ela vá ter sim. Acho que a Sansa pode se tornar uma personagem muito forte depois desse fato horrível que aconteceu com ela.
    Acho que foi o Kaio que disse que a cena descaracterizou a personagem, eu discordo pq como vcs falaram n partiu de uma escolha dela. Ela foi uma vitima.

    Gostaria de levantar alguns pontos tbm, vcs acreditam que se não existissem os livros ou se nos livros houvesse essa cena…ela geraria toda essa polêmica que gerou na série?

    Agora viajando um pouco mais longe para outras mídias, Resident evil 5 foi acusado de racismo pq os zumbis eram negros, Assassins Creed unity foi acusado de machismo pq não tinha protagonista mulher jogável, se vcs olharem o trailer de algum filme que lembre american pie no youtube os comentários vão estar repletos de gente reclamando como o filme é sexista. E agora got é acusado de tratar mulher como objetos.
    Eu não sei até onde essa busca incessante por direitos civis de personagens fictícios, que todo mundo faz agora é algo bom.
    Acho que as pessoas hj em dia estão se vestindo de advogados na hora de consumir um produto que está ali para divertir eles e não para refletir um mundo perfeito.

    Espero que tenha sido um comentário coeso e que vcs estejam mais abertos a uma discussão do que outros portais. Postei algo parecido na Got br e hj não posso postar mais nada lá.
    hahaha

    Ótimo trabalho. Vida longa.
    🙂

    • Igor

      Não entendi o argumento do PH, sem querer polemizar, adoro ele. Mas do jeito que ele fala sobre a cena do estupro que no livro tem algo similar só que não é com ela e mesmo sendo mais pesado é justificavel? Eu duvido que a opinião dele seja essa, mas foi o que ficou parecendo. Eu acho que em uma série medieval, mesmo que desnecessário você pode ter esse tipo de cena. Longe de estar apoiando qualquer tipo de atitude abusiva contra a mulher, tenho repudio á machismo mas se em vários filmes o que motiva a história é algo como estupro e um sentimento de vingança, não pode ter isso na série? Eu nunca li livro nenhum (só a metade do primeiro então nem conta), sou um “imaculado” como citaram no cast haha mas acho que se o acontecido pode ter algum motivo maior no futuro eu acho que a cena pode estar lá sem precisão da polemica toda que foi gerada de fã querendo parar de assistir e blablabla. O seriado inteiro tem um conteúdo extremamente pesado, me sinto meio mal até quando vejo que as pessoas se indignam tanto com algo assim em uma ficção. Espero não ter deixado parecer uma opinião errada de mim mas enfim.

      • A série não se passa no mundo medieval europeu clássico, as pessoas se enganam muito a achar que é isso. Determinados valores dessas sociedades estão lá, mas em contraponto há outras muitas coisas que passam longe desse período.
        E no meu entendimento, a cena foi sim para gerar polêmica. Aliás, isso extrapola o lance de “meu entendimento”, já que os produtores desde o começo dessa temporada falam de uma cena que iria chocar muita gente e seria muito controversa.

    • tudo o que escreveu pode e deve ser debatido sem nenhum tipo de preconceito.

      da minha parte, meu desapontamento é pela presença da sansa em winterHELL e acho que isso responde tua pergunta sobre a não existência do livro ou existência da cena.

      o que aconteceu com JP = fArya é mt mais horrível do que se passou com sansa (e por isso, tenho mais um motivo pra não perdoar mindinho); no entanto, GRRM resolveu “sacrificar” JP e poupar as irmãs stark.

      além disso, esta polêmica tb está servindo pra desmarcarar o blog brasileiro que aborda GofT.

      se um comentador não partilha dos mesmíssimos valores que os dos responsáveis pelo blog em algum momento algum comentário não será publicado.

      comigo isso já aconteceu, simplesmente por acreditar numa teoria.

    • Losk, eu acredito que se houvesse a cena nos livros de fato, não haveria toda essa polêmica. Mas conhecer o que acontece é o que torna difícil para os fãs dos livros mais cri-cris como eu, aceitar as mudanças de motivação dos personagens.
      Pra mim, o problema não é apenas o que aconteceu com a Sansa, esse foi apenas mais um erro desse tipo que a acontece na série. De toda forma, entendo demais os seus argumentos, e não acredito que você esteja errado e eu certo, ou vice-e-versa, é tudo uma questão de opinião.
      Sobre as outras obras, eu acho válido o julgamento. Obras de entretenimento sempre estão e estarão sujeitas a julgamento social, pra mim é difícil desvencilhar completamente a visão de mundo individual de cada um do que ele consome. O debate em torno do que consumimos, na minha opinião, é essencial para uma maior compreensão da nossa sociedade.

  • HSCB

    Acho muito bacana o pod de vcs … mas o cara que faz a mediação não deixa os outros falarem!!!!! kkkkkkkkkkkkkk

  • André Garcia Neto

    Acho meio nada a ver reclamar de cena de estupro em uma série de um mundo medieval, fico surpreso é de isso n ter acontecido também com a Arya, gente, é um mundo medieval, machista, e agressivo, então, parem de reclamar disso, outro argumento que nessa temporada não cola mais é o de “no livro não tem isso” série é série e livro é livro. Para, antes de pensar na cena isolada e julgar a cena isolada, lembrem-se do que é a série, qual contexto e ambientação, se fosse um estupro em uma série com ambientação mais contemporânea eu entenderia, mais em GoT, é ridículo esse drama todo que as pessoas estão fazendo.

    • André, respondendo por mim, sei bem onde se passa a série, é no mesmo mundo que conheço através dos livros. E é exatamente por isso que determinadas coisas na série me desagradam tanto.
      Vale dizer que não é bom se apegar a este conceito de “mundo medieval”, o mundo apresentado pelo Martin pega sim bases vindos desta realidade, mas ele as extrapola fazendo com que as regras do mundo medieval europeu não sejam aplicados aqui em sua totalidade.
      No mais, as pessoas tem expectativas diferentes e entender isso faz com que eu aceite o seu ponto de vista, mas a recíproca é necessária.

      • André Garcia Neto

        Kaio, eu concordo com você que a série está desagradando, mas não acredito que sejam as cenas “polêmicas” que estejam fazendo isso, e sim o medo dos roteiristas de dar continuidade a história do Martin. O que me incomoda, é que o argumento das pessoas com quem eu interajo para dizer que a série está ruim são apenas as cenas fortes, e eu acho que elas são parte sim do mundo do Martin, ele escreve sobre isso, e aborda essas questões.

        Você tem razão quanto ao conselho de eu cuidar a respeito do “mundo medieval”, ele realmente extrapola essas regras, mas venhamos e convenhamos, não seria chocante se isso tivesse acontecido no livro tampouco, eu fico muito mais incomodado com romance de imaculado, com a ausência de Asha/Yara, com falha em direção de cenas de ação e outras coisas que vocês citaram no decorrer dos casts, do que com estupro.

  • Jorge André

    Meu núcleo favorito sempre foi Porto Real, mas na cena do julgamento, apenas pra tirar a Margaery da jogada, foi desenvolvida de uma maneira muito apressada, improvisada e até mesmo burra. Quanto ao Tommen, uma coisa é ser passivo, outra coisa é ser retardado. Mas enfim, gostei da maracutia da Cersei pra passar a perna nos Tyrell, só acho que poderia ter sido feita de uma maneira melhor!

  • Roberto Castelo Branco

    Olá turma do Iradex,

    Se vocês conseguirem fazer um podcast para cada um dos 4 episódios que faltam seria muito, muito bom… acredito que teremos muitos acontecimentos e obrigaria vocês à condensar os seus comentários, o que comprometeria a qualidade do seu trabalho.

    Indo direto ao assunto, já comentei no episódio anterior que não li os livros, meu ponto de vista é através do que é entregue na série e de acompanhar alguns podcasts como o Sete Reinos. Dito isto, gostaria de ir direto à cena polêmica; terminei de assistir ao episódio com a sensação de ter assistido ao mais fraco da temporada, mas a cena de Sansa não me trouxe nada que me gerasse a indignação que está circulando, eu apenas estou esperando que ela traga uma evolução narrativa e sirva para alguma coisa, caso contrário concordo que ela será desnecessária. Infelizmente eu já achava que Sansa ia se dar mal, afinal o que esperar de Roose Bolton? Gostaria de esclarecer que sou contra qualquer tipo de amenização do peso de um estupro, este é um crime hediondo, e que acredito que ele pode ser abordado, mas nunca ser usado como algo banal ou gratuito.

    O episódio foi fraco por outros motivos, principalmente a sequencia de Dorne… foi sofrível, deu vergonha alheia, ficou com a impressão de foi feito de qualquer jeito. Volto a dizer que o problema desta temporada não são as alterações de rumo para alguns personagens, mas a descaracterização que soa estranho mesmo para quem não leu os livros, e as coreografias de luta, que até o sexto episódio tem sido padrão trapalhões. Fica a esperança de uma melhora neste aspectos.

    Apesar do mi-mi-mi, gosto muito da série, e continuarei não só acompanhando mas aguardando ansiosamente cada domingo, e cada episódio do Sete Reinos.

    Parabéns e continuem o bom trabalho!

    • phsantos

      “Approve”
      Em 25/05/2015 12:42, “Disqus” escreveu:

    • Roberto, também estamos torcendo que a tal cena da Sansa traga de fato um bom grau de desenvolvimento para a personagem.

  • Roberto Castelo Branco

    Olá turma do Iradex,

    Se vocês conseguirem fazer um podcast para cada um dos 4 episódios que faltam seria muito, muito bom… acredito que teremos muitos acontecimentos e obrigaria vocês à condensar os seus comentários, o que comprometeria a qualidade do seu trabalho.

    Indo direto ao assunto, já comentei no episódio anterior que não li os livros, meu ponto de vista é através do que é entregue na série e de acompanhar alguns podcasts como o Sete Reinos. Dito isto, gostaria de ir direto à cena polêmica; terminei de assistir ao episódio com a sensação de ter assistido ao mais fraco da temporada, mas a cena de Sansa não me trouxe nada que me gerasse a indignação que está circulando, eu apenas estou esperando que ela traga uma evolução narrativa e sirva para alguma coisa, caso contrário concordo que ela será desnecessária. Infelizmente eu já achava que Sansa ia se dar mal, afinal o que esperar de Roose Bolton? Gostaria de esclarecer que sou contra qualquer tipo de amenização do peso de um estupro, este é um crime hediondo, e que acredito que ele pode ser abordado, mas nunca ser usado como algo banal ou gratuito.

    O episódio foi fraco por outros motivos, principalmente a sequencia de Dorne… foi sofrível, deu vergonha alheia, ficou com a impressão de foi feito de qualquer jeito. Volto a dizer que o problema desta temporada não são as alterações de rumo para alguns personagens, mas a descaracterização que soa estranho mesmo para quem não leu os livros, e as coreografias de luta, que até o sexto episódio tem sido padrão trapalhões. Fica a esperança de uma melhora neste aspectos.

    Apesar do mi-mi-mi, gosto muito da série, e continuarei não só acompanhando mas aguardando ansiosamente cada domingo, e cada episódio do Sete Reinos.

    Parabéns e continuem o bom trabalho!

    • Roberto, também estamos torcendo que a tal cena da Sansa traga de fato um bom grau de desenvolvimento para a personagem.

  • Lucas Dias

    Muito Bom.. colocações comparativas e não gratuitas do (estupro). Independente do achar se foi ou não, vocês debateram questão de personagem e roteiro e não uma questão moral ou não. Acho q na serie a Sansa sempre vai ser a “vitima” eles acham isso “preciso”. Mas acho que ela tomou decisão sim… ela Aceitou se casar.. e ela disse ao mindinho que queria ficar… Se ela ERROU, ai é outra história.

    • Valeu pelo teu comentário. Bom saber que pra você nosso debate foi válido.

  • Lucas Dias

    Muito Bom.. colocações comparativas e não gratuitas do (estupro). Independente do achar se foi ou não, vocês debateram questão de personagem e roteiro e não uma questão moral ou não. Acho q na serie a Sansa sempre vai ser a “vitima” eles acham isso “preciso”. Mas acho que ela tomou decisão sim… ela Aceitou se casar.. e ela disse ao mindinho que queria ficar… Se ela ERROU, ai é outra história.

    • Valeu pelo teu comentário. Bom saber que pra você nosso debate foi válido.

  • Ana Louise

    Olá, pessoal! Ótimo cast, como sempre!

    Queria expressar minha opinião sobre a cena polêmica do episódio 6 envolvendo a Sansa, mas saibam que não concordo com o que aconteceu, assim como também não acho que foi motivo de tanta revolta assim. Nos livros, aconteceu algo bem pior com a Jeyne, e desde que eu soube que a Sansa ia casar com o Ramsay, era claro que algo assim ia acontecer. Afinal, eles iam casar, e qual é o costume depois disso? Ainda mais sendo o Ramsay a pessoa que é. O pessoal ta falando que tão tornando a mulher um objeto, que tão diminuindo a Sansa e tudo mais, e eu não concordo com isso. Não acho que essa decisão de roteiro tenha muito a ver com o papel da mulher na série, assim como muitas outras cenas que costumam levar para esse lado. Sinceramente, o que vocês esperavam que fosse acontecer depois que ela casasse com o Ramsay? Mudar radicalmente de um episódio pra outro e se tornar uma mulher forte que resiste a tudo? Não construíram a Sansa assim, e isso eu acho uma falha, mas por esse motivo a cena foi feita e faz sentido. Claro que não é agradável de ver, e posso até concordar que deveriam ter focado na Sansa em vez do Theon, mas não acho um absurdo que o povo tá falando não. Acredito sim que a Sansa pode mudar a partir daí, mas esse desenvolvimento dela tá sendo meio arrastado pro ritmo dessa temporada. Vamos ver…

    • Mas Ana, desde que ela foi pra Winterfell estamos reclamando. É óbvio que isso iria acontecer, mas em nada isso invalida a opinião de quem não “aprova” cena, entende?
      A série usa de artifícios narrativos que procuram convencer que os personagens passaram por transformações e a partir de tal momento são “pessoas diferentes”, mas no episódio seguinte, tudo volta pro mesmo canto. É a mesma coisa que fizeram com o Jaime.

      • Ana Louise

        Sim, claro que não invalida. É só que eu não vejo motivo pra tanta revolta, sabe? Como disse não concordo nem discordo com essa cena, vendo dessa forma ela é desnecessária sim, mas tipo, o pessoal tá fazendo toda uma confusão sobre o assunto que eu acho um pouco exagerada. Mas é minha opinião, claro, e respeito a sua. Eu to achando essa temporada muito inferior a outras por vários motivos e to me decepcionando com o núcleo de Winterfell porque achei genial terem mandado a Sansa pra lá, agilizou o caminho que ela faz nos livros e de fato tem uma Stark lá, só que tá sendo tudo bem diferente do que imaginei. É peso…

        • Ana, o que noto é que quem está “rageando” com essa cena, como eu, não se irritou por uma situação isolada. O rage vem mais do lance de isso ser “a última gota dágua”.

          De toda forma, novas possibilidades narrativas foram abertas, espero que a partir de agora essas possibilidades sejam bem aproveitadas. 🙂

  • Ana Louise

    Aproveitando, eu queria saber a opinião de vocês sobre o Jaime. Estou achando que a série está fazendo uma sacanagem com ele de uma forma incrível, porque ele tá sendo diminuído e nenhum conflito interno pelo qual ele passa no livro está sendo abordado, e isso pra mim tá fazendo muita falta. Tipo, nos livros, mesmo sem uma mão as pessoas ainda respeitam ele, e na série parece que tudo se volta ao fato dele não conseguir lutar bem. No geral, Dorne está uma porcaria gritante. Enfim…

    • Já falamos sobre o Jaime. Estão segurando o desenvolvimento do personagem, está bem paia.

  • Ana Louise

    Aproveitando, eu queria saber a opinião de vocês sobre o Jaime. Estou achando que a série está fazendo uma sacanagem com ele de uma forma incrível, porque ele tá sendo diminuído e nenhum conflito interno pelo qual ele passa no livro está sendo abordado, e isso pra mim tá fazendo muita falta. Tipo, nos livros, mesmo sem uma mão as pessoas ainda respeitam ele, e na série parece que tudo se volta ao fato dele não conseguir lutar bem. No geral, Dorne está uma porcaria gritante. Enfim…

    • Já falamos sobre o Jaime. Estão segurando o desenvolvimento do personagem, está bem paia.

  • André, respondendo por mim, sei bem onde se passa a série, é no mesmo mundo que conheço através dos livros. E é exatamente por isso que determinadas coisas na série me desagradam tanto.
    Vale dizer que não é bom se apegar a este conceito de “mundo medieval”, o mundo apresentado pelo Martin pega sim bases vindos desta realidade, mas ele as extrapola fazendo com que as regras do mundo medieval europeu não sejam aplicados aqui em sua totalidade.
    No mais, as pessoas tem expectativas diferentes e entender isso faz com que eu aceite o seu ponto de vista, mas a recíproca é necessária.

    • André Neto

      Kaio, eu concordo com você que a série está desagradando, mas não acredito que sejam as cenas “polêmicas” que estejam fazendo isso, e sim o medo dos roteiristas de dar continuidade a história do Martin. O que me incomoda, é que o argumento das pessoas com quem eu interajo para dizer que a série está ruim são apenas as cenas fortes, e eu acho que elas são parte sim do mundo do Martin, ele escreve sobre isso, e aborda essas questões.

      Você tem razão quanto ao conselho de eu cuidar a respeito do “mundo medieval”, ele realmente extrapola essas regras, mas venhamos e convenhamos, não seria chocante se isso tivesse acontecido no livro tampouco, eu fico muito mais incomodado com romance de imaculado, com a ausência de Asha/Yara, com falha em direção de cenas de ação e outras coisas que vocês citaram no decorrer dos casts, do que com estupro.

  • Mas Ana, desde que ela foi pra Winterfell estamos reclamando. É óbvio que isso iria acontecer, mas em nada isso invalida a opinião de quem não “aprova” cena, entende?
    A série usa de artifícios narrativos que procuram convencer que os personagens passaram por transformações e a partir de tal momento são “pessoas diferentes”, mas no episódio seguinte, tudo volta pro mesmo canto. É a mesma coisa que fizeram com o Jaime.

    • Ana Louise

      Sim, claro que não invalida. É só que eu não vejo motivo pra tanta revolta, sabe? Como disse não concordo nem discordo com essa cena, vendo dessa forma ela é desnecessária sim, mas tipo, o pessoal tá fazendo toda uma confusão sobre o assunto que eu acho um pouco exagerada. Mas é minha opinião, claro, e respeito a sua. Eu to achando essa temporada muito inferior a outras por vários motivos e to me decepcionando com o núcleo de Winterfell porque achei genial terem mandado a Sansa pra lá, agilizou o caminho que ela faz nos livros e de fato tem uma Stark lá, só que tá sendo tudo bem diferente do que imaginei. É peso…

      • Ana, o que noto é que quem está rageando com essa cena, como eu, não se irritou com um como uma situação isolada. Foi mais “a última gota dágua”. Hehehe

        De toda forma, novas possibilidades narrativas foram abertas, espero que a partir de agora essas possibilidades sejam bem aproveitadas.

  • jean juan

    Claro…Porque cortar o pinto do Theon não é algo nem um pouco traumatizante para um homem. E fodas, é uma série da HBO com indicação indicativa(18 anos). ´´Meu pai morreu com um tiro, e é um ultraje existir filmes de ação/violento´´; ´´Odeio pornografia, e acho um absurdo existir filmes pornográficos´´; ´´Minha melhor amiga morreu engasgada, por isso não suporto filmes com cena de engasgamento´´; ´´Fui vítima de bullying…´´; ´´Perdi meu emprego…´´; Sou gordo…´´´…Ou seja, se você não suporta certas realidades, horrendas ou não, apenas não consuma produtos que possam trazer tais atos. Simples.

    • Não, não é, nem um pouco. Não fui traumatizado por isso. Da mesma forma que não acredito que uma mulher assistindo a cena da Sansa vá se traumatizar.
      Mas uma coisa que nunca tive ao andar na rua foi medo que alguém me atacasse e me capasse.
      E indicação de idade mínima para assistir uma obra não determina se ele pode ou não ser criticada.
      A crítica feita não se resume ao estupro. Recomendo que escute os episódios que gravamos durante toda essa temporada e entenderá melhor o que temos criticado.

      • jean juan

        A sua crítica pode não ter sido, mas a grande maioria foi. Eu sei que existe o debate sobre o propósito da cena por parte de alguns, mas a discussão árdua gerada foi por causa do veículo de ação utilizado, no caso, o estupro. E sugiro que leia o que eu escrevi novamente e não leve a primeira frase do meu comentário em um sentido literal para qualquer meio social e a qualquer um. Se você vive em uma comunidade onde as punições comum são o decapitamento de pênis, por vingança ou justiça, você estaria bem incomodado com a cena, não ´traumatizado´. ´Traumatizado´ é quem foi decapitado…Entendeu agora? E eu, em momento algum, disse que, se algo é voltado exclusivamente ao público adulto(+18), a crítica geral, em termos de qualidade filmográfica,não pode ser aplicada…´´TRAZER TAIS ATOS´´…Você realmente leu meu comentário com o mínimo de discernimento?

  • Claro…Porque cortar o pinto do Theon não é algo nem um pouco traumatizante para um homem. E fodas, é uma série da HBO com indicação indicativa(18 anos). ´´Meu pai morreu com um tiro, e é um ultraje existir filmes de ação/violento´´; ´´Odeio pornografia, e acho um absurdo existir filmes pornográficos´´; ´´Minha melhor amiga morreu engasgada, por isso não suporto filmes com cena de engasgamento´´; ´´Fui vítima de bullying…´´; ´´Perdi meu emprego…´´; Sou gordo…´´´…Ou seja, se você não suporta certas realidades, horrendas ou não, apenas não consuma produtos que possam trazer tais atos. Simples.

    • Não, não é, nem um pouco. Não fui traumatizado por isso. Da mesma forma que não acredito que uma mulher assistindo a cena da Sansa vá se traumatizar.
      Mas uma coisa que nunca tive ao andar na rua foi medo que alguém me atacasse e me capasse.
      E indicação de idade mínima para assistir uma obra não determina se ele pode ou não ser criticada.
      A crítica feita não se resume ao estupro. Recomendo que escute os episódios que gravamos durante toda essa temporada e entenderá melhor o que temos criticado.

      • A sua crítica pode não ter sido, mas a grande maioria foi. Eu sei que existe o debate sobre o propósito da cena por parte de alguns, mas a discussão árdua gerada foi por causa do veículo de ação utilizado, no caso, o estupro. E sugiro que leia o que eu escrevi novamente e não leve a primeira frase do meu comentário em um sentido literal para qualquer meio social e a qualquer um. Se você vive em uma comunidade onde as punições comum são o capamento, por vingança ou justiça, você estaria bem incomodado com a cena, não ´traumatizado´. ´Traumatizado´ é quem foi capado…Entendeu agora? E eu, em momento algum, disse que, se algo é voltado exclusivamente ao público adulto(+18), a crítica geral, em termos de qualidade filmográfica,não pode ser aplicada…´´TRAZER TAIS ATOS´´…Você realmente leu meu comentário com o mínimo de discernimento?

  • DiegoArtur

    Acho que o texto da quinta temporada ser o prior
    até aqui tenha muito a ver com a essa temp ser a que mais se distancia dos
    livros e por isso temos que nos preparar para o que vem na sexta temp. Estou
    longe de largar GOT, mas ela hj em dia não está tão boa quanto antes, mesmo
    ainda sendo muito acima da média. Uma outra coisa que a serie está pecando:
    tenho a sensação que estão se prendendo d+ em impactar o público ao invés de
    contar uma historia.

  • Diego Artur

    Acho que o texto da quinta temporada ser o prior
    até aqui tenha muito a ver com a essa temp ser a que mais se distancia dos
    livros e por isso temos que nos preparar para o que vem na sexta temp. Estou
    longe de largar GOT, mas ela hj em dia não está tão boa quanto antes, mesmo
    ainda sendo muito acima da média. Uma outra coisa que a serie está pecando:
    tenho a sensação que estão se prendendo d+ em impactar o público ao invés de
    contar uma historia.

  • Alexandre Domingos

    Eai pessoal,primeiramente gostaria de dizer que gostei muito do cast,vcs estão cada dia melhores.Mas sobre a parte polêmica eu discordo completamente da opinião de vcs,pois desde o primeiro episódio da primeira temporada nos é mostrado o que vai ser a série,pois jogar uma criança do alto de uma torre por ela ter visto dois irmãos transando é mil vezes pior do que mostrar a reação do Theon vendo o que o Ramsay tava fazendo.E falando no diabo,essa é a personalidade dele perfeitamente retratada,pois n esqueçamos que nos livros ele invade a fortaleza de Hornwood,obriga a senhora de lá a se casar com ele e deixa a mesma pra morrer de fome após comer os próprios dedos.
    Referente as mudanças da trama,elas estão tornando a série melhor que os livros,pois os dois ultimos livros tem barrigas enormes ,como a saga da Brienne que é insuportável e a da Sansa um marasmo só.
    Sou mais fã da série agora do que quando comecei a assistir,pois antes eu era daqueles que dizia “Isso não tá nos livros blabla” e agora eu vejo a animação toda da minha namorada (que é civil) assistindo e vale a pena viver essa história diferenciada da série.

    Abraços e …

    • Eu dou mô valor a jornada da Brienne nos livros. hehehe
      Da Sansa é um pouco boring mesmo.
      E, bom saber que você consegue curtir o cast mesmo com um opinião diferente da sua sendo tão repetida por nós nos episódios.
      Abraços, Alexandre.

      • Alexandre Domingos

        Curto tudo que vcs fazem,e digo mais,se tivesse dinheiro meu até pagaria pelo conteúdo lindo que vcs me dão de graça, mas por enquanto ainda sou um universitário sem grana kkk. Obg por responder meu comentário.

  • Alexandre Domingos

    Eai pessoal,primeiramente gostaria de dizer que gostei muito do cast,vcs estão cada dia melhores.Mas sobre a parte polêmica eu discordo completamente da opinião de vcs,pois desde o primeiro episódio da primeira temporada nos é mostrado o que vai ser a série,pois jogar uma criança do alto de uma torre por ela ter visto dois irmãos transando é mil vezes pior do que mostrar a reação do Theon vendo o que o Ramsay tava fazendo.E falando no diabo,essa é a personalidade dele perfeitamente retratada,pois n esqueçamos que nos livros ele invade a fortaleza de Hornwood,obriga a senhora de lá a se casar com ele e deixa a mesma pra morrer de fome após comer os próprios dedos.
    Referente as mudanças da trama,elas estão tornando a série melhor que os livros,pois os dois ultimos livros tem barrigas enormes ,como a saga da Brienne que é insuportável e a da Sansa um marasmo só.
    Sou mais fã da série agora do que quando comecei a assistir,pois antes eu era daqueles que dizia “Isso não tá nos livros blabla” e agora eu vejo a animação toda da minha namorada (que é civil) assistindo e vale a pena viver essa história diferenciada da série.

    Abraços e …

    • Eu dou mô valor a jornada da Brienne nos livros. hehehe
      Da Sansa é um pouco boring mesmo.
      E, bom saber que você consegue curtir o cast mesmo com um opinião diferente da sua sendo tão repetida por nós nos episódios.
      Abraços, Alexandre.

      • Alexandre Domingos

        Curto tudo que vcs fazem,e digo mais,se tivesse dinheiro meu até pagaria pelo conteúdo lindo que vcs me dão de graça, mas por enquanto ainda sou um universitário sem grana kkk. Obg por responder meu comentário.